Quer alugar um apartamento em João Pessoa? Siga este roteiro e não cometa erros

Você já olhou para  apartamentos online, obteve orientações dentro e ao redor da cidade e finalmente encontrou o apartamento dos sonhos. E agora? Agora vem o processo de solicitação de aluguel, a primeira etapa para finalmente se estabelecer em uma nova casa.

 

Compilamos um roteiro rápido sobre o passo a passo para locação de um apartamento e o que esperar disso. Confira a seguir!

 

 

  1. Preencha um formulário de aluguel corretamente

Se você está interessado em um imóvel, a próxima etapa é entrar em contato com a administração de imóveis preenchendo um formulário de aluguel. Se você tem colegas de quarto, eles também precisarão fazer o mesmo. Basicamente, todas as pessoas que planejam se mudar precisam preencher um formulário separado de pedido de aluguel. A maioria das propriedades possui  formulários de inscrição online , mas você também pode se inscrever pessoalmente. Cada formulário é diferente do outro, mas espere que um aplicativo de aluguel típico exija as seguintes informações: nome, endereço atual, números de telefone, e-mail, informações de emprego e renda, comprovante de entrega de imposto de renda, interesse em viver com animais de estimação (se aplicável), contatos de emergência, fiadores econtratos de referências pessoais ou profissionais.

 

  1. Espere verificações de crédito e antecedentes

O processo de inscrição significa que provavelmente você será solicitado a concordar com verificações de histórico e crédito. As verificações dos antecedentes dos apartamentos podem remontar ao passado, conforme o proprietário considere necessário, e geralmente se concentram na história criminal. É melhor relatar qualquer informação de fundo relevante. Uma verificação de crédito do aplicativo de locação avalia a responsabilidade financeira de um locatário em potencial. Eles são uma pessoa confiável que paga o aluguel em dia? Mencione se você tem crédito ruim ou se ainda está se recuperando de contas anteriores. É aqui que um fiador pode intervir positivamente, assumindo a responsabilidade financeira por escrito.

 

 

  1. Prove que você pode pagar aluguel

Uma parte importante do processo de solicitação de aluguel é fornecer comprovante de emprego ou renda. A maioria dos proprietários pedirá cópias das declarações de impostos, recibos de pagamento recentes ou outras formas de recibos de um empregador. Dependendo do seu trabalho, você também pode fornecer extratos bancários recentes, cópias de contratos de clientes ou cópias de contratos de trabalho, se necessário. As verificações de emprego e crédito geralmente demoram mais, e é por isso que a maioria das solicitações pode levar até 72 horas. O tempo do processo de solicitação de aluguel também varia dependendo da propriedade, portanto, certifique-se de verificar com eles a melhor estimativa para planejar sua mudança ao apartamento para alugar em João Pessoa que você pretende negociar.

 

 

  1. Descubra se você precisa de um fiador

Um  fiador  é uma pessoa com bom crédito que atua como um apoio financeiro caso você deixe de pagar o valor do imóvel. Ou seja: se você tiver crédito ruim ou histórico de crédito insuficiente, ele ou ela assume a responsabilidade legal de pagar seu aluguel, caso você não o faça. Os fiadores podem intervir quando os locatários pela primeira vez não têm como contabilizar o histórico de aluguel ou compromisso com o aluguel mensal e pagamentos de contas. Você pode precisar de um caso sua renda mensal seja inferior a três vezes o aluguel. Você também pode procurar um fiador como uma forma de fortalecer sua inscrição e aumentar suas chances de aprovação. Pense nisso como uma referência adicional e jamais deixe de arcar com suas responsabilidades, traindo a confiança do seu fiador.

 

 

  1. Demonstre a eles que você é um locatário agradável

Normalmente, os proprietários desejam saber com os proprietários anteriores que tipo de inquilino você é. Você foi um pouco barulhento? Você cumpriu a  política de animais de estimação ? Embora normalmente não seja obrigatório, você pode querer pensar em anexar uma referência do local onde morou anteriormente como outra forma de aumentar suas chances de aprovação ou simplesmente para se diferenciar de outros candidatos interessados no local onde você pretende morar. Para algumas propriedades, pode até ser obrigatório fazer isso.

 

  1. Tenha boas referências pessoais

Referências pessoais fazem toda a diferença, e boas referências pessoais podem ajudar muito, especialmente se você não tiver um histórico de aluguel. Muito parecido com as referências de um antigo locador, uma boa referência significa que alguém atesta seu caráter e confiabilidade. Embora as referências de proprietários sirvam como uma boa referência para futuros proprietários, as referências pessoais podem vir de um amigo ou colega que o conhece e pode atestar sua integridade. Candidatar-se a um apartamento pode parecer muito trabalhoso, mas no final vale a pena. Se tudo correr bem, a etapa final do processo de locação é assinar o contrato e escolher uma boa empresa de mudanças para te ajudar a empacotar suas coisas e levar ao seu novo endereço com cuidado e tranquilidade.

 

 

  1. Economize em mobília se estiver precisando disso

Buscar por um apartamento mobiliado para alugar pode ser uma excelente alternativa para morar, caso você não tenha mobílias e nem dinheiro para comprar guarda-roupas, itens de cozinha e sala de estar – que geralmente são mais caros. Considere isso em seus filtros de busca e considere, na ponta do lápis, quais itens realmente são necessários para você viver bem, sem ter supérfluos e também evitando gastar demais, se precisa economizar.

 

 

  1. Assine o contrato e o leia atentamente

Depois que você passou no processo de inscrição, inspecionou as instalações, verificou se há vagas de estacionamento, fez uma rápida anotação sobre os vizinhos e examinou sua lista de verificação de coisas essenciais que deve fazer antes de se comprometer com um novo apartamento, é hora de assinar o contrato! A maioria dos proprietários pedirá o equivalente a um adiantamento de dois ou três meses de aluguel antecipados. Caso entregue um cheque bancário, não deixede pedir os recibos.

 

Este também é o momento para quaisquer perguntas de última hora que você possa ter, como quando você vai conseguir as chaves do lugar? Você deve trazer sua própria torradeira? Nem é preciso dizer que ler atentamente o contrato de locação é essencial. Você pode ficar cego pela planta baixa e pelo espaço de armazenamento que seu novo local tem, mas certifique-se de entender os detalhes do seu aluguel antes de planejar a data de mudança, como o que acontece se você quebrar o contrato  no caso de circunstâncias inesperadas.