Hospital Municipal Santa Isabel já realizou quase três mil tomografias computadorizadas este ano

Quase três mil tomografias computadorizadas já foram realizadas este ano no Hospital Municipal Santa Isabel (HMSI), garantindo, com exames extremamente rápidos e precisos, diagnósticos mais céleres e eficazes, auxiliando no tratamento dos pacientes da rede municipal de saúde. O HMSI conta com um aparelho de última geração e alta precisão desde o final do ano passado, o que contribuiu para melhorar o atendimento e tratamento oferecido aos pacientes, levando mais saúde à população.

Dados do Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI) do hospital apontam que é uma demanda crescente mês a mês no quantitativo de exames, o que significa que mais pacientes são beneficiados mensalmente. Foram 54 tomografias realizadas em janeiro; 125 em fevereiro; 268 em março; 387 em abril; 431 em maio, 439 em junho, 577 em julho e 639 em agosto, totalizando até agora 2.920 exames.

O médico radiologista Luís Felipe Paiva, que coordena o CDI do Hospital Santa Isabel, diz que os números são resultados do trabalho de uma equipe extremamente dedicada e capacitada. “Além do apoio irrestrito da instituição desde o acolhimento do paciente no hospital, a pontualidade e qualidade na emissão dos relatórios dos exames”, afirmou.

O tomógrafo, que ampliou a oferta de serviços em diagnósticos na rede de saúde do município, foi entregue oficialmente em janeiro deste ano, mas desde dezembro de 2021 estava funcionando em fase de teste, já beneficiando pacientes regulados pela Secretaria Municipal de Saúde.

O equipamento tem disponibilidade para atender demandas de alta complexidade em diversas especialidades, como neurologia, gastroenterologia, cardiologia, cirurgia bariátrica e ortopedia, entre outras. O tomógrafo do HMSI é um aparelho de última geração, capaz de realizar exames das mais diversas especialidades médicas, com a máxima eficiência, rapidez e qualidade de imagem radiológica, além da possibilidade de oferecer reconstruções multiplanares.