Fabiano Medeiros deixa gestão Márcia Lucena e povo de Conde não tem representantes no governo da cidade

O empresário José Fabiano de Medeiros anunciou via redes sociais sua saída do governo de Márcia Lucena (PSB). Na ótima de muitos, esta foi a “última pá de terra” no já desgastado governo da socialista, a frente da cidade de Conde, no Litoral Sul da Paraíba.

Em nota publicada em seus perfis nas redes sociais Fabiano (foto) avisa ter pedido demissão do cargo de Secretário Municipal de Infraestrutura, que exercia desde a posse de Márcia Lucena em janeiro de 2017.

Como justificativa alegou as demandas dos empreendimentos que possui, “os quais exigem de mim um comprometimento de tempo integral”. Mas há quem diga que o verdadeiro motivo da saída de Fabiano, tenha sido o desprestígio e desrespeito com quem é de Conde. Uma fonte próxima ao ex-secretário garantiu que o empresário estava muito insatisfeito com o fato de “a cada dia”, mais pessoas de fora ocuparem espaços na prefeitura, e isso em detrimento de profissionais locais. “Ele já estava chateado. Sempre foi tratado com desrespeito, apesar de ser um dos poucos secretários realmente comprometidos. Pra piorar se chateou com o fato de muita gente de fora tomar lugar do povo daqui”, disse nossa fonte.

O substituto
Para o lugar de Fabiano a prefeita nomeou ninguém mais, ninguém menos que o padre licenciado, Severino Mélo. O pároco está afastado de suas funções sacerdotais e é acusado em envolvimento em crimes de pedofilia.