Ex-deputado do Distrito Federal será candidato à Câmara Municipal de João Pessoa

Marcos Cavalcanti de Arruda, ou, simplesmente, Marcos Arruda (foto), é paraibano nascido na Capital do estado, e, entre 95 e 98, foi deputado distrital (Brasília), onde também exerceu atividades acadêmicas e sindicais – e, agora, decidiu concorrer a uma das cadeiras da Câmara Municipal de João Pessoa, pelo Avante, partido a que se filiou a convite do recém-falecido deputado estadual Genival Matias.

Ele retornou para João Pessoa, há cinco anos, e tem tronco genealógico plantado entre Bonito de Santa Fé e no Vale do Piancó, no extremo-oeste da Paraíba, de que procede a tradicional família Cavalcanti de Arruda, de inata vocação para as atividades empresarial e política. Ainda na adolescência, entre 14 e 15 anos, irrompera-lhe o espírito de liderança, com a fundação de grêmios de representação estudantil.

Na Capital da República, durante décadas seguidas, Marcos Arruda colecionou várias graduações universitárias, citando-se, dentre outras, as de engenharia civil, ciência da matemática e administração de empresas, contando-se, ainda, o título de pós-graduaçao em engenharia econômica.

Liderando movimentos de organização de trabalhadores públicos, no DF, a exemplo da Associação dos Servidores do GEIPOT, ele conseguiu evitar a demissão, em massa, tanto dos funcionários do referido órgão, como, por via de consequência, dos que pertenciam aos quadros funcionais da Embrater e da EBTU – isso, quando o então presidente José Sarney resolveu extinguir as três autarquias.

Aínda no universo da política, ele chegou a concorrer ao cargo de vice-governador do DF, em chapa encabeçada pelo pastor Benedito Domingos, em cujo pleito elegeu-se Joaquim Roriz.