Prefeitura de Campina Grande promove 1º Torneio de Xadrez da Rede Municipal de Ensino

Enquadrado dentro das ações do Projeto “Jogada de Mestre”, que oferece aulas de xadrez como forma de promover o desenvolvimento das funções cognitivas de percepção, atenção, memória e raciocínio lógico, o evento reuniu 42 estudantes, de seis escolas, no Parque da Criança.

O Torneio Municipal de Xadrez aconteceu no Parque da Criança e teve como objetivo promover a interação entre os estudantes das escolas participantes, bem como fomentar a competição diversificada e saudável entre os alunos que apresentaram um melhor desempenho e uma maior habilidade no jogo, de acordo com a indicação dos respectivos professores.

Ao todo, foram 42 participantes, representando seis escolas (Ceai Elpídio de Almeida, Ceai João Pereira de Assis, Ceai Antonio Mariz, Escola Padre Antonino, Escola Lafayete Cavalcante e Escola Maria Anunciada Bezerra). Todos os competidores receberam medalha e troféu.

Para o secretário de Educação, Raymundo Asfora Neto, a introdução do Xadrez na Rede de Educação de Campina Grande pode ser considerada uma forma de investir em ferramentas pedagógicas com impactos importantes no processo de aprendizagem.

“A ideia foi encontrar, no xadrez, uma ferramenta pedagógica que, comprovadamente, impacta na aprendizagem dos estudantes. Ou seja, estamos trazendo para essas escolas a possibilidade do aluno aprender de forma lúdica, porque ele vai estar brincando, competindo e, ao mesmo tempo, melhorando seu desempenho cognitivo”, pontuou Asfora.

De acordo com o coordenador do projeto, o professor Alisson Bruno, há um peso significativo em um evento como este , já que é a primeira vez que um torneio de Xadrez é sediado no âmbito das escolas municipais. “Isso é muito importante para estes estudantes. É uma forma de incentivar o esporte e as práticas educativas.m, dentro de um ambiente competitivo, porém, respeitoso”, acentuou o professor.

Codecom