OPERAÇÃO CARRO-PIPA: Bruno vai recorrer ao Ministério do Desenvolvimento Regional pela retomada do abastecimento de água na região

O prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, deverá manter ainda nesta semana contato com o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) para a retomada, o mais breve possível, da Operação Carro-Pipa que leva água para 100 cisternas comunitárias em residências e assentamentos da zonas rural e urbana do município, beneficiando mais de 3.000 pessoas.

Ação do Exército atende a mais de 100 cisternas comunitárias, beneficiando mais de 3 mil pessoas

A decisão, pela suspensão desse serviço, foi comunicada à Defesa Civil Municipal por meio de nota, emitida pelo 31º Batalhão de Infantaria Motorizado, que alegou falta de recursos que deveriam ser transferidos pelo Ministério do Desenvolvimento Regional. A falta desses recursos inviabiliza a manutenção do serviço.

Bruno Cunha Lima, que já tomou conhecimento da decisão administrativa do MDR e do comunicado do Exército, está tentando reverter a situação e assegurar o retorno da distribuição de água para milhares de pessoas. Conforma a assessoria da Defesa Civil, a suspensão deve prejudicar mais de 3.000 pessoas que dependem do abastecimento nas 100 cisternas comunitárias.

PRESTAÇÃO DE CONTAS – Durante dois dias os representantes dos órgãos de Defesa Civil dos municípios beneficiados fizeram a prestação de contas. Além de Campina Grande, a Operação Carro-Pipa atende aos municípios de Fagundes, Barra de São Miguel, Caturité, São Domingos do Cariri, Puxinanã, Queimadas, Barra de Santana, Livramento, Assunção, Santo André, São José dos Cordeiros e Serra Branca.

Também são beneficiados moradores de Cabaceiras, Riacho de Santo Antônio, Lagoa Seca, Boqueirão, Matinhas, Boa Vista, Gurjão, Parari, Santa Luzia, Alcantil, São João do Cariri, São José do Sabugi e Coxixola.

De acordo com calendário do 31º BIMtz, a prestação de contas começou na manhã da última terça-feira (05 de janeiro) e está sendo concluída na tarde desta quarta-feira (06). Durante os trabalhos todas as medidas de segurança, com relação à Covid-19, foram tomadas, a exemplo do uso de máscaras, álcool em gel e o distanciamento social.