Dois coelhos e uma só cajadada: João abre as fronteiras do Estado e consolida o Cidadania politicamente

Há uma indisfarçável e incontida confiança de certos estrategistas no governador João Azevedo que vem revelando aptidões políticas até então encobertas pela reconhecida reputação de técnico brilhante e gestor de comprovada competência.

Mesmo navegando nas águas turbulentas da pandemia, João vem conduzido o barco com serenidade do ponto de vista administrativo e alcançando patamares de evolução que transforma a Paraíba numa pequena ilha de prosperidade diante do caos que se espalha ao redor.

Chefe do Executivo estadual destacou os investimentos do Estado para atrair empresas e ampliar a economia

Que ele conduzisse bem a máquina administrativa não seria nenhuma surpresa haja vista o desempenho do Governo anterior cujos méritos ficaram para o antecessor que, de tão à vontade no plano gerencial teve tempo de sobra para enveredar pelo mundo da criminalidade.

Espanhol

A reunião do governador com os espanhóis esta semana mostra uma radiografia de um Estado enxuto com projetos arrojados para consolidar seu desenvolvimento e abrir suas fronteiras para novos investimentos nas diversas áreas da economia.

Esse arrojo econômico tem sido o cimento para construir as pontes políticas que devem garantir o trânsito de legendas em direção ao Governo nas eleições de 2022.

Projetos arrojados serão retirados das gavetas

Partidos como o PSB, MDB, PFL e outros de menor densidade eleitoral já se deixaram atrair por esse potencial político em expansão e já se alinharam ao projeto de recondução de João ao Governo em 22.

Joao está construindo estradas por onde devem trafegar muitos partidos à procura de sombra e água fresca, possível de encontrar apenas nos oásis, escassos em meio aos desertos.

E não há deserto mais árido que a política paraibana, cuja última grande palmeira acabou de tombar.
Que venham os espanhóis, chineses e americanos.

João Azevêdo se reúne com empresa espanhola para discutir ações para o turismo

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), se reuniu, nessa terça-feira (9), com representantes da empresa espanhola Aena Desarrollo Internacional, responsável pela operação dos Aeroportos Castro Pinto, na Grande João Pessoa, e Presidente João Suassuna, em Campina Grande, ocasião em que foram apresentadas as ações do governo nas áreas de turismo e desenvolvimento econômico.

Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual destacou os investimentos do Governo da Paraíba para atrair empresas e ampliar os níveis de emprego e renda. “O estado tem atraído grandes centros de distribuição, a exemplo do Magazine Luiza e do grupo K1 e temos uma localização estratégica e logística de estradas. Além disso, conseguimos manter nossa capacidade fiscal e assegurado ações na área de energias renováveis”, comentou.

O gestor também ressaltou a capacidade de atração de turistas que o Polo Turístico Cabo Branco irá viabilizar. “O World Surf Park irá atrair um grande fluxo turístico internacional porque irá construir uma escola de surf e piscina de ondas e também serão construídos resorts no local. Nós ainda apostamos nos voos regionais e construiremos o novo aeroporto de Patos”, acrescentou.

O secretário executivo do Turismo e Desenvolvimento Econômico, Gilson Lira, considerou a reunião produtiva. “O aumento no número de voos e o incentivo de novas rotas, inclusive as regionais, ampliarão a conectividade do estado impulsionando a retomada do turismo paraibano. A propósito, é importante ressaltar que o governador João Azevêdo tem incentivado muito a indústria do turismo visando à geração de emprego e renda e o desenvolvimento do nosso estado”, falou.

Por sua vez, o presidente da Aena, Santiago Yus, detalhou os investimentos que a empresa fará na Paraíba. “Nós acreditamos no Brasil, no Nordeste e na Paraíba, firmamos um acordo de cooperação com o Corpo de Bombeiros e vamos fazer melhorias na infraestrutura, seguindo com o nosso trabalho”, pontuou.

Estiveram presentes na reunião, os secretários Deusdete Queiroga (Infraestrutura, Meio Ambiente e Recursos Hídricos); o tenente coronel Anderson Pessoa (secretário chefe da Casa Militar do Governador); Enrique Martin Ambrosio (diretor de Relações Institucionais); e Karla Cerávolo (diretora do Aeroporto Castro Pinto).