Sesc e Prefeitura de João Pessoa inauguram novas instalações do Viveiro Florestal 

A questão ambiental se torna cada vez mais importante para o mundo. Focado nisso, o Viveiro Florestal de João Pessoa, mantido pelo Serviço Social do Comércio da Paraíba em parceria com a Prefeitura Municipal de João Pessoa, está com novas instalações e teve sua estrutura ampliada para atender de forma mais abrangente os projetos paisagísticos da capital. A inauguração do novo espaço aconteceu na última quarta-feira, 21, e contou com a presença do Presidente da Fecomércio Paraíba, Marconi Medeiros, do Vice-prefeito de João Pessoa, Leo Bezerra, do Secretário do Meio Ambiente, Welison Silveira, e do Secretário Executivo do Meio Ambiente, Djalma Castro.

O Presidente Marconi Medeiros destacou a importância da parceria firmada entre o Sesc e a Prefeitura Municipal. “Esta parceria é uma prova de que a prefeitura de João Pessoa se preocupa com o meio ambiente e, por isso, o Sesc assume o compromisso de contribuir com os poderes públicos na promoção da qualidade de vida. Este é um passo importante neste momento no qual a questão ambiental é tão urgente e necessária”, destacou. Para o Vice-prefeito, Leo Bezerra, as novas instalações dispõem de uma estrutura que foca ainda mais na preservação ambiental da cidade. “Com essa estrutura, ampliaremos a produção para 100 mil mudas por ano, trazendo para João Pessoa a manutenção desse título de cidade verde. Esse é um compromisso da prefeitura não apenas com os cidadãos de hoje, mas com as gerações futuras”, afirma.

O viveiro, que agora conta com uma área de oito mil metros quadrados, produz anualmente 60 mil mudas de 115 espécies diferentes de árvores da Mata Atlântica, a exemplo do ipê-roxo, amarelo e branco, realizando um trabalho contínuo de produção e cultivo. No local, a equipe se reveza nos cuidados da produção diária das mudas, incluindo coleta de sementes, plantio, rega e produção de adubo. Além dos diferentes tipos de ipê, o viveiro também conta com outras espécies, como jacarandá, caliandra, oitizeiro, saboneteira, sibipiruna, jatobá e pau-brasil. O espaço dispõe de área para educação ambiental, estufas, composteiras, espaço para o preparo de sementes e casa de apoio para jardineiros e viveiristas.

As mudas do viveiro atendem a demanda paisagística de arborização pública da capital, como ruas, praças e escolas públicas, e também são voltadas para o plantio de áreas degradadas, com o objetivo de preservar a diversidade botânica de João Pessoa. Além disso, a população também pode receber as árvores gratuitamente. Contudo, esta distribuição está temporariamente suspensa devido à pandemia da Covid-19. O novo espaço do Viveiro de Plantas Nativas fica no Sesc Gravatá, na Rua Embaixador Sérgio Vieira de Melo, Valentina.