Pollyanna diz que sua principal missão será estreitar os laços entre João e Lula

A deputada estadual Pollyanna Dutra (PSB) revelou que sua principal missão neste momento será auxiliar o processo de reconstrução do Brasil estreitando os laços entre o governador João Azevêdo (PSB) e o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Segunda colocada na disputa pelo Senado Federal nas eleições 2022, a parlamentar revelou que já tem um encontro marcado na próxima semana com a senadora Simone Tebet (MDB). “Porque o futuro pede a determinação da mulher”, disse.

As revelações da deputada Pollyanna aconteceram durante entrevista concedida à Rádio Arapuan FM, na tarde desta terça-feira (8). Na oportunidade, ela destacou sua trajetória na campanha ao lado do governador João Azevêdo. “Não fui à imprensa após o término da minha jornada rumo ao Senado porque a campanha ainda não tinha acabado, eu fazia parte desse projeto e minha missão só terminou com a vitória do nosso governador, que tinha e tem o melhor projeto para o nosso estado. Agora, venho aqui para dizer que sigo com a missão de completar o meu mandato com muita honra, representando todos os paraibanos, e, então, seguir em frente junto de João e Lula nesse processo de reconstrução do nosso país, essa é nossa maior missão nesse momento”, pontuou.

Pollyanna, que desponta hoje como uma das maiores lideranças progressistas no estado da Paraíba, após conquistar quase 500 mil votos em sua candidatura ao Senado Federal, revela que já iniciou um trabalho de unificação das forças progressistas no estado em torno de um projeto do país. “Trabalharei para unificar o campo progressista em torno da governabilidade e estar junto de pautas necessárias. Eu sempre fiz uma ótima articulação na Assembleia e seguirei cumprindo esse papel, entendendo que todos se juntam em prol de projetos relevantes para o nosso povo”, afirmou.

Ainda a respeito de sua reunião já nos próximos dias com a senadora Simone Tebet, Pollyanna revelou que não irá se furtar dos desafios que já aparecem em seu futuro. “Se eu, uma prefeita, em uma cidade tão pequena no Sertão do estado, consegui ir à ONU, a convite do presidente Lula, para representar o Brasil como exemplo de gestão, imagine então ao lado de um governador como João Azevêdo, disposta a melhorar a realidade do nosso povo nesse novo projeto de país. Irei, ao lado de Tebet, estabelecer esse diálogo. Ela teve um protagonismo importante, eu também, então iremos dialogar contribuindo com a restauração do nosso país. Essa é a principal missão nesse momento: restabelecer essa relação e garantir avanços para o nosso estado e o nosso Brasil”, completou.