Pagamento de pensões a ex-governadores será suspenso a partir de junho, na PB

O pagamento das pensões aos ex-governadores ou ex-primeiras-damas da Paraíba serão suspensas a partir deste mês de junho. A decisão havia sido anunciada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) quando este rejeitou os embargos feito pela Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB).

O governo estadual foi obrigado a acatar a decisão que entende inconstitucionalidade no pagamento. Até maio deste ano, os ex-governadores e as respectivas viúvas recebiam R$ 23.500,82. O valor inclusive corresponde ao salário atual do governador.