Morre o prefeito de Guarabira e ex-deputado Zenóbio Toscano

Faleceu em hospital particular de João Pessoa, na tarde deste domingo (14), o prefeito de Guarabira e ex-deputado estadual Zenóbio Toscano, aos 74 anos, vítima de um acidente vascular cerebral (AVC) hemorrágico. A confirmação da morte foi fornecida pela filha dele, a deputada estadual Camila Toscano, através de nota oficial, e pela assessoria de imprensa da unidade de saúde. Ele já estava afastado da prefeitura desde maio de 2019, quando sofreu um AVC isquêmico, do qual vinha se recuperando.

Zenóbio se recuperava da Covid-19, mas, nesse sábado (13), sofreu um acidente vascular cerebral hemorrágico, o que agravou o quadro

Segundo o comunicado, desta vez Zenóbio estava internado desde o dia 6 de junho e se recuperava bem da Covid-19, mas, nesse sábado (13), sofreu o novo AVC, o que agravou o quadro de saúde, levando-o à morte.

“Ele era marido amoroso, pai dedicado, avô afetuoso e exemplo de homem público, que muito colaborou para o desenvolvimento da nossa Paraíba. Neste momento de dor, nos orgulha dizer que Zenóbio deixa um legado por todo o trabalho que desenvolveu para que nosso Estado tivesse dias melhores, com mais igualdade. Tudo isso sem descuidar da família e sem deixar de dar atenção aos amigos. Queremos agradecer a todos pelas orações e o apoio dado a nossa família durante todo o tempo em que Zenóbio Toscano esteve doente. Não Temos palavras para agradecer tamanho carinho por ele e por todos nós da família. Este é um momento de muita tristeza para todos nós, pois perdemos uma pessoa querida, que amamos e que nos serve de inspiração todos os dias”, diz nota da deputada Camila Toscano.

Perfil
Zenóbio Toscano nasceu em 4 de setembro de 1945, no município de Ingá, na Paraíba. Era formado em engenharia e casado com a ex-deputada estadual Léa Toscano, com quem teve quatro filhos.

Na política, Zenóbio começou a vida pública sendo prefeito da cidade de Guarabira. Em 15 de novembro de 1982 foi eleito com 50,44% dos votos válidos, na disputa ao lado de Jáder Pimentel – PDS (49,09%) e Ademir Leal – PT (0,47%). Em 1990 concorre pela primeira vez a deputado estadual na Paraíba pelo PMDB, conseguindo 14.936 votos, sendo o oitavo mais votado do pleito. Em 3 de outubro de 1994 é eleito mais uma vez deputado estadual com a votação de 34.837 sendo o deputado mais votado do estado.

Em 4 de outubro de 1998 Zenóbio conquista mais uma vez uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado. Em 2001, deixa o PMDB e filia-se ao PSDB. Em outubro de 2002 é eleito para o quarto mandato como deputado estadual na Paraíba. Em 2006 é novamente o mais votado do estado, para deputado, com 38.265 votos. Foi a última vez que Zenóbio disputou o cargo de deputado estadual.

Em de outubro de 2012 foi eleito prefeito de Guarabira para o mandato de 2013 – 2016, eleito com 16 mil votos. Em 2016 foi reeleito para o mandato de 2017-2020 com 15.609 votos, tendo que se afastar das funções após sofrer um Acidente Vascular Cerebral Isquêmico (AVCI).

Nota de pesar
O governador da Paraíba, João Azevêdo, emitiu uma nota para externar o sentimento de pesar pela morte de Zenóbio Toscano:

“O governador apresenta condolências aos familiares e amigos, manifestando o desejo de que Deus console os corações neste momento de dor”, diz o texto.