Estudos do Consórcio Nordeste serão usados para elaboração do PPA federal

A economista e socióloga Tânia Bacelar, especialista em desenvolvimento regional, destacou, durante a reunião do Consórcio Nordeste, em João Pessoa, a importância de estudos estratégicos para o Nordeste, que farão parte do Projeto Nordeste 2023-2033, apresentado na reunião e que vem sendo desenvolvido desde o segundo semestre de 2022, patrocinado pelo Consórcio. Segundo ela, a ideia é que os estudos, que devem ser concluídos até o segundo semestre desse ano, sejam usados para elaboração do PPA federal e dos estados.

Governador de Sergipe

O governador de Sergipe, Fábio Mitidieri, destacou a importância da região Nordeste para o fortalecimento da economia do país. “Quando você une as forças do Nordeste, vemos que as pautas da área social, quando colocadas na pauta de reunião, fazem com que consigamos colocar a comida na mesa do povo, que tanto tem precisado”, afirmou.

 

Governadora do RN

Já a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, ressaltou a importância da união dos estados para que possa ser feita a articulação de programas e para que se possa garantir investimentos para a região. De acordo com o secretário de Assuntos Federativos da Presidência da República, André Ceciliano, esse é um momento de retomada do federalismo. “Queremos retomar parcerias e projetos, com os estados e os próprios municípios, levando as demandas da região para a reunião do próximo dia 27 com o próprio presidente Lula”, afirmou.

“É necessário sobretudo parabenizar os governadores que participaram da criação do Consórcio Nordeste, que se revelou uma grande iniciativa para compartilhar boas práticas de políticas públicas e defender os interesses do Nordeste dentro do cenário nacional e até mesmo internacional”, afirmou Rafael Fonteles, governador do Piauí.

“Nós temos um presidente que está aberto a discutir em conjunto com os governadores, e isso é muito importante para que possamos nos desenvolver”, pontuou o governador do Ceará, Elmano de Freitas. O governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues, destacou que o combate à fome tem sido o tema central do dia a dia não só dos estados do nordeste mas também de todo o Brasil. “Trata-se de uma pauta que demanda políticas estruturantes para que possamos enfrentar a fome de forma definitiva e sustentável”, afirmou, destacando a importância da geração de empregos.

Por sua vez, o governador do Maranhão, Carlos Brandão, enfatizou a importância das energias renováveis no desenvolvimento da região. “Temos uma oportunidade histórica única, que é a transição energética, e com ela podemos avançar bastante em questões como emprego e renda”, disse. Também destacou a importância do consórcio a governadora de Pernambuco, Raquel Lyra. “Esse é um importante espaço de discussão política, para que possamos trocar experiências e tocar projetos em comum para o nosso desenvolvimento como um todo”, afirmou.