Entidades se manifestam contra decreto estadual que prorroga isolamento

A Abrasel/PB, ao lado de entidades dos setores produtivos e da cadeia do Turismo e de Negócios da Paraíba, assina carta direcionada a prefeitos e ao governo do Estado, na qual as entidades se manifestam contrárias ao teor do decreto estadual 40.289 de maio de 2020, que prorroga e amplia as medidas de isolamento no Estado.

As entidades demandam maior abertura para participar das discussões com o governo sobre as medidas de isolamento social, importantes para o achatamento da curva de transmissão do Coronavírus, mas que prejudicam fortemente o setor produtivo. “Queremos trabalhar junto com o Poder Público para uma retomada responsável das atividades. É fundamental um comitê de retomada das atividades, de modo que não prejudique a saúde da população e que ao mesmo tempo garanta a sobrevivência de milhares de trabalhadores formais e informais da Paraíba. Somos muitos micro, pequenos e médios empreendedores que estão vendo seus negócios fechados”, comenta o presidente da Abrasel/PB, Arthur Lira.

A Abrasel/PB já criou um plano bastante consistente, entregue a governador e prefeituras para contribuir na retomada com segurança para o setor de alimentação fora do lar. Esse mesmo plano já foi entregue e está sendo analisado por governadores e prefeitos de todo o Brasil.