Bruno autoriza pagamento extra a servidores grevistas que tiveram descontos nos salários

No encontro, na STTP, entre secretários e diretores do sindicato, ficou definida a reposição salarial já nesta quinta-feira

Em reunião convocada para a manhã desta quarta-feira, 3, o prefeito Bruno Cunha Lima, por vídeochamada, direto de Brasília, despachou com a direção do Sindicato dos Trabalhadores do Agreste da Borborema – Sintab. Na pauta: o fim da paralisação dos servidores, como reação a descontos na folha de julho, por dias faltados nas repartições municipais. O encontro foi realizado na sede da STTP e contou com as presenças de secretários. Uma série de propostas da gestão foi apresentada e acatada pelo sindicato, com um detalhe importante: ficou definida a prestação de serviços extra para a população, por parte dos servidores grevistas, como forma de compensação à comunidade.

Entre os principais pontos que foram apresentados e acatados pelo Sintab, ficou definido o abono das faltas pelos dias paralisados. No caso, já nesta quinta-feira, 4, haverá o pagamento em folha suplementar para quitação desse acordo. Também ficou pacificada a criação de uma comissão, formada por integrantes da Prefeitura e do sindicato, para acompanhar o processo de compensação das faltas em forma de prestação de serviços para a comunidade. Com base em levantamentos, cerca de 95% dos faltosos dizem respeito a servidores da Secretaria de Saúde.

O trabalho da comissão justamente avaliará as singularidades atinentes aos serviços de cada área para definir as compensações. Para Bruno Cunha Lima, o acordo torna-se interessante porque, ao tempo em que atende as categorias, não deixa de lado a assistência devida à comunidade, que terminou diretamente prejudicada pela paralisação. O prefeito de Campina Grande também fez questão de destacar o processo de diálogo permanente da gestão com a entidade representativa dos servidores, ao mesmo tempo em que admitiu que, diante de involuntários erros cometidos pela gestão em relação aos descontos nos salários dos servidores, há sempre a determinação do poder público municipal em sanar imediatamente.

Participaram presencialmente da reunião na STTP os secretários Diogo Flávio Lyra Batista (Administração), Gilney Porto (Saúde), Gustavo Braga (Finanças) e Asfora Neto (Educação). O gerente de Recursos Humanos da Sáude Municipal, Yuri Gustavo, também fez parte do encontro. Por parte do Sintab, os diretores Giovanni Freire Da Silva (presidente) e Mônica Cristina da Cunha Santos (vice-presidente).