Associação felicita defensores públicos por aprovação em estágio probatório

Esta semana, os defensores públicos empossados perante o Conselho Superior da DPE-PB há três anos, no dia 7 de julho de 2017, completaram igual período no efetivo exercício do cargo e foram aprovados pelo Órgão no estágio probatório ao qual foram submetidos, não apenas correspondendo, mas superando as expectativas em termos de eficiência e produtividade.

O coroamento dessa conquista remonta, porém, ao ano de 2014, quando a Associação Paraibana dos Defensores Públicos assumiu o desafio de assegurar a nomeação dos aprovados, essenciais a minimizar o déficit de profissionais no estado e garantir uma plena prestação de serviços aos assistidos.

Luta hercúlea e desigual

A luta, hercúlea e desigual, contra um governador opressor que tinha a DPE como uma sucursal da máquina estatal, não arrefeceu a disposição da APDP, que não mediu esforços para alcançar seu objetivo, mobilizando a ANADEP, parlamentares e a própria Seccional paraibana da OAB – cujo candidato a presidente e depois eleito Paulo Maia – firmou Termo de Compromisso nesse sentido.

À época, esse esforço da APDP, que incluiu incansáveis peregrinações, foi acompanhado por grupo composto pelas então candidatas aprovadas Lydiana Ferreira, Gabriela Correia, Fernanda Peres e Aline Sales, que até o fim do longo e sofrido percurso, teve contornos de dramaticidade, com a resistência do governo do estado em fazer a publicação dos atos no Diário Oficial, o que acabou acontecendo no Diário da Justiça, graças a interveniência da Associação junto ao então desembargador-presidente Joás de Brito Filho.

Conquista histórica

Assim, o primeiro concurso da Defensoria Pública da Paraíba ficará marcado para sempre na história da Instituição não por sua realização, mas sobretudo pela aguerrida luta da APDP para que a nomeação e posse dos candidatos aprovados fosse efetivada.

Os defensores públicos aprovados pelo CS no período probatório esta semana, felicitados pela diretoria da APDP foram: Fernanda Peres, Gabriela Fernandes, Monaliza Montinegro, Aline Oliveira, Clayvner Maurício, Carollyne Souza, Felipe Travia, Filipe Mendes, Iara Bonazzoli, Gerardo Rodrigues, Laís Novais, Lucas Soares, Marcel Joffily, Marcos Pereira, Mariane Fontenelle, Naiara Della Bianca e Philipe Figueiredo.