A STIC do TRE-PB informa que não houve ilegalidade no uso da chave de registro de candidaturas do PR de São Mamede

O que está ocorrendo é uma dissidência entre os membroS do Partido Republicanos, no município de São Mamede
O Secretário de Tecnologia Informação e Comunicação (STIC), do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba da (TRE-PB), José Cassimiro Júnior, informa que em relação à matéria publicada em um portal de notícias da Paraíba sobre um possível ato de irregularidade no acesso à chave utilizada para registro dos candidatos do Partido Republicanos, no diretório de São Mamede, interior da Paraíba, não procede.

Ao contrário do que foi afirmado na matéria publicada, não houve qualquer invasão do sistema de registro de candidaturas do TSE. Trata-se de dissidência partidária existente naquele município, cuja orientação do TSE é fornecer a chave aos diretórios dissidentes para que o juiz, oportunamente, possa analisar e decidir a matéria. A chave foi fornecida pelo próprio Cartório Eleitoral.

Assim, os diretórios em desacordo encaminharão ao juiz eleitoral os seus pedidos de registros e os documentos comprobatórios da convenção realizada para análise e decisão do magistrado titular da 26 Zona Eleitoral, onde ocorreu a dissidência.

Como se pode constatar, não houve “roubo de chave e nem registro ilegítimo de candidaturas”, como publicado na matéria, e nem qualquer ação que tenha ocorrido sem o conhecimento e o controle desta Justiça especializada.

José Cassimiro Júnior

Secretário de Tecnologia da Informação e Comunicação