Jampa News

24/05/2017 às 13:55

OSUFPB faz seu sexto concerto da temporada 2017

Possui Bacharelado em Musica pela Universidade Federal da Paraíba (1990) e Doutorado em Música pela Universidade Federal da Bahia (2004). Atualmente é professora do Departamento de Música da Universidade Federal da Paraíba Possui Bacharelado em Musica pela Universidade Federal da Paraíba (1990) e Doutorado em Música pela Universidade Federal da Bahia (2004). Atualmente é professora do Departamento de Música da Universidade Federal da Paraíba

 A OSUFPB realiza o seu 6º concerto da temporada. A apresentação está marcada para esta sexta-feira, dia 26 de maio, às 20:00 horas, na Sala de Concertos Radegundis Feitosa, no Campus I da UFPB. A entrada é franca. Maiores informações no site: www.osufpb.com.
 
Este concerto faz parte da série “Pedro Américo”, na qual a OSUFPB toca obras predominantemente românticas. No repertório, músicas de Aleksandr  Glazunov, John Corigliano, Frank Martin e Antonin Dvorak. As participações especiais  ficam por conta da flautista Conceição Benck, que atuará como solista, e a pianista Vania Camacho, que a acompanhará ao piano. Ambas as musicistas são professoras do Departamento de Música da UFPB – DEMUS.  A regência é do maestro Thiago Santos, regente titular da
OSUFPB.
 
Séries temáticas
 
Nesta temporada, a OSUFPB passou a apresentar os concertos em séries temáticas, homenageando nomes consagrados da cultura paraibana. Assim, temos a “Série Pedro Américo, com concertos dedicados às obras do romantismo musical brasileiro e europeu; a série "Mestre Ariano", que privilegia a música nacionalista de compositores brasileiros e estrangeiros; a "Série Augusto dos Anjos", com obras das diferentes correntes estéticas do pós-romantismo; a "Série Philipeia", dedicada à música barroca e do classicismo nos remetem ao antigo nome de nossa cidade; e, finalmente, a “Série Kaplan” que homenageia o maestro e compositor argentino que adotou João Pessoa por sua cidade do coração, desenvolvendo aqui importante trabalho musical. A temporada 2017 homenageia também Heitor Villa-Lobos, por seus 130 anos de nascimento.
 
Segurança e conforto
 
A coordenação do Laboratório de Música Aplicada - LAMUSI, que administra a OSUFPB, recomenda a chegada ao local do concerto pelo menos meia hora de antecedência para garantir um bom lugar na plateia e ainda assistir a uma pequena palestra costumeiramente proferida sobre as obras que são apresentadas. Lembra ainda que, por motivo de segurança, não permitirá, em hipótese alguma, o acesso ao público quando a Sala alcançar sua lotação máxima, que é de 300 pessoas.
 
A OSUFPB
 
A OSUFPB é um equipamento cultural da UFPB pertencente ao Centro de Comunicação, turismo e Artes e ligado aos Departamentos de Música e Educação Musical da instituição. A Orquestra tem finalidades pedagógicas que envolvem professores e alunos da UFPB, além de contribuir para a formação de plateia para o público pessoense. Atualmente conta vinte e um músicos fixos – todos de cordas - e com a participação eventual de professores e alunos dos cursos de música da UFPB, além de colaboradores voluntários da cena sinfônica paraibana.
 
 
Conceição Benck
 
Possui Bacharelado em Musica pela Universidade Federal da Paraíba (1990) e Doutorado em Música pela Universidade Federal da Bahia (2004). Atualmente é professora do Departamento de Música da Universidade Federal da Paraíba. 
Tem sua sólida formação com grandes flautistas como Gustavo Paco (Argentina/Brasil), Aurèle Nicolet (Suíça) e Alain Marion (França). Organizou o I e II Festivais Norte/Nordeste de Flautistas. Atuou nas principais instituições da região, como  o Conservatório Pernambucano de Música; Orquestra Sinfônica da Paraíba; Orquestra Filarmônica Norte/Nordeste; Orquestra Sinfônica do Recife; Universidade Federal de Pernambuco. 
 
Com intensa atividade como solista e camerista, destaca-se o trabalho realizado junto ao Quinteto Sopro Brasil, da UFPE, do qual foi membro fundador, e o Duo Casado (com a pianista e irmã Rachel Casado). Atuou como professora convidada no Projeto “Bandas de PE”, do Conservatório Pernambucano de Música. 
 
Além da docência, dedica-se à pesquisa interpretativa, performance e gravação de obras de compositores brasileiros, assim como sobre competências da performance musical e didática instrumental com ênfase em Articulação nos instrumentos de sopros.
Vania Camacho
 
 Doutora em Educação pela UFPB, com a tese “O ensino de Piano na Paraíba: memórias, lugares e práticas musicais (1945-1985)”, cursou o Bacharelado em piano e Mestrado em práticas interpretativas (piano) pelo Programa de Pós-Graduação em Música da UFRGS. É professora do Departamento de Música da UFPB desde 1994.
 
Vencedora de concursos nacionais e internacionais, tem atuado nas áreas da prática instrumental divulgando principalmente a música brasileira. 
 
Coordena o curso de Aprendizagem de Música Através do Piano, do programa de extensão universitária de música. Participa dos grupos de pesquisa práticas de ensino e aprendizagem da música em múltiplos contextos do departamento de Educação, do Grupo de Estudos e Pesquisas em História da Educação da Paraíba - HISTED-BR e do GP4 - Grupo de Pesquisa em Performance e Pedagogia do Piano.
 
Contatos:
Maestro Thiago Santos:
(83) 98166-8906
(21) 99979-8906 (WhatsApp)
 
Arimateia Veríssimo (Teinha) – coordenador da OSUFPB:
9 8640-2433
 
 
 
 

Fonte: Assessoria

Comentarios da notícia

Siga-nos noTwitter

Curta nosso Facebook