Jampa News

22/07/2019 às 08:18

Eficiência e discrição revelam que Segurança na PB tem novo comando

Trocando a pirotecnia pela eficiência, Jean Francisco impõe um novo estilo de fazer segurança Trocando a pirotecnia pela eficiência, Jean Francisco impõe um novo estilo de fazer segurança

De maneira eficiente e sem estardalhaço o secretário de Segurança do Estado delegado Jean Francisco Nunes vem impondo seu estilo discreto de trabalhar.
 
No último final de semana a pasta realizou uma operação no centro da cidade com dois objetivos: o de reprimir o crime e o de conscientizar a população para os cuidados com as pessoas em risco de vulnerabilidade.
 
O centro da capital tem sido palco de muitas ocorrências policiais sem que medidas repressivas e preventivas tivessem alcançado êxito, algumas até de resultados desastrosos, onde após o lançamento de operações cinematográficas, bem ao estilo de outras gestões, fossem deflagradas ações criminosas que jogaram por terra e no ridículo toda parafernália montada e anunciada.
 
Algumas cinematográficas como assalto a agência bancária no coração da cidade, o Ponto de cem Réis, desmontando toda parafernália de cães, cavalos, motos, numa encenação digna dos melhores roteiros policiais, mas ineficente para impedir a ação dos bandidos.
 
Nessa sexta-feira (19) sem nenhum alarido e sem pirotecnia a Operação Risco Zero invadiu o centro e colheu resultados positivos que mostram que a Segurança está com nova administração como pode ser constatado no release encaminhado pela Secom aos meios de comunicação que transcrevemos abaixo:
 
Polícia prende três foragidos da Justiça e apreende oito adolescentes durante operação no Centro da Capital
 
Três foragidos da Justiça foram recapturados, oito adolescentes encaminhados ao Conselho Tutelar e vários frascos com entorpecentes apreendidos, na noite dessa sexta-feira (19), durante a Operação Risco Zero, realizada na região central de João Pessoa por mais de 180 agentes públicos.
 
A operação teve como objetivo não só a prevenção e repressão da criminalidade, com abordagens a bares e em locais de maior movimentação de pessoas no período noturno, mas também de realizar tarefas educativas e de assistência nesses espaços, principalmente com as pessoas encontradas em situação de vulnerabilidade.
 
“É uma operação que realiza um trabalhado extremamente importante, levando sensação de segurança para a malha central da capital, realizando várias abordagens e apoiando, sobretudo,  pessoas em situação de vulnerabilidade social, que puderam receber toda a assistência por parte do poder público”, destacou o comandante do Policiamento da Região Metropolitana (CPRM), coronel Lívio Delgado.
 
A superintendente Regional de Polícia Civil, delegada Roberta Neiva, disse que outras edições da ‘Risco Zero’ devem ser realizadas nas próximas semanas. “A operação está dentro do planejamento do Paraíba Unida pela Paz. É importante que a população sabia que o poder estatal está unido em favor dela e pode sentir isso na prática, através desse trabalho. Atuamos em uma ação que visa combater principalmente o tráfico de drogas, crimes patrimoniais, contra a vida e levando sensação de segurança para a população mais fragilizada. Essa operação vai se repetir ao longo do ano, em outros locais”, afirmou.
 
Os três foragidos da Justiça foram presos no bairro do Varadouro. Eles estavam em bares onde foram feitas abordagens e também nas proximidades da Rodoviária. Cinco menores foram encontrados desacompanhados por responsáveis no Centro Histórico e outros três perto do Terminal de Integração. Os jovens foram encaminhados ao Conselho Tutelar para as providências. Ainda nas revistas, foram apreendidos frascos com loló.
 
A 2ª Delegacia Distrital, situada no Centro da Capital, ficou aberta durante a noite para atender as ocorrências da operação e equipes da Coordenação das Delegacias da Mulher realizaram panfletagem com orientações sobre prevenção da violência doméstica, nos locais percorridos pela Risco Zero.
 
O trabalho teve início por volta das 19h, com equipes saindo do 1º Batalhão da Polícia Militar, e se estendeu até a madrugada deste sábado(20), alcançado também como resultado a ausência de crimes contra a vida e contra o patrimônio nos lugares onde a operação Risco Zero esteve presente.
 

Fonte: Redação/Secom

Notícias + Lidas