Jampa News

09/08/2019 às 07:21

Com ação e sem encenação, Polícia Civil prende quadrilha que assaltou mercadinho no bairro de Manaíra próximo ao ninho das águias

Com ação e sem encenação Polícia Civil desbarata quadrilha Com ação e sem encenação Polícia Civil desbarata quadrilha

Numa resposta fulminante aos criminosos, agentes da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio de João Pessoa desbarataram uma quadrilha que vinha aterrorizando o comércio da capital. As investigações para identificar os criminosos duraram apenas dois dias e a Polícia conseguiu identificar e prender os bandidos que assaltaram um mercadinho no bairro de Manaíra numa ação ousada logo após o Governo entregar um batalhão especializado no combate aos crimes contra o patrimônio.
 
Sem alarde e sem pirotecnia, a Polícia Civil recompôs a normalidade das relações entre bandido e mocinho e prendeu toda quadrilha depois que identificou um funcionário do mercadinho, que teria passado as informações ao grupo criminoso.
 
Pela rapidez com que foram identificados e presos os integrantes da quadrilha fica comprovado que o secretário Jean Francisco Nunes não desperdiça tempo com cinematografia trocando o discurso tonitruante e as imagens esfuziantes pela ação fulminante, que é o que a população espera da Polícia: mais ação e menos encenação.
 
PC prende  grupo suspeito de praticar assaltos em JP 
 
Após uma ação que durou dois seguidos, a  Polícia Civil conseguiu prender cinco pessoas suspeitas de integrar um grupo criminoso que praticava assaltos a comércios em João Pessoa. 
 
As prisões ocorreram em flagrante delito e foram realizadas por equipes da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio de João Pessoa (DCCPat/JP). Os trabalhos de busca e localização  dos suspeitos começaram nesta quarta-feira feira (7) e só terminsram nesta quinta (8). 
 
Os presos foram identificados como Jandirson De Lima Andrade, mais conhecido como Galego, de 46 anos; Thalia dos Santos Oliveira, de 22 anos, Marinaldo dos Santos Júnior, vulgo "Marreco", de 21 anos;
Alcimar do Nascimento Dantas, mais conhecido como Mago, de 22 anos; e Gildericki Antony Costa de Farias, de 31 anos.. 
 
 
Segundo o delegado  Braz Morroni, titular da DCCPat/JP, os cinco foram presos após um assalto ocorrido em  um supermercado, situado no bairro de Manaíra, em  João  Pessoa. 
 
Ainda de acordo com o delegado, Gildericki é funcionário do estabelecimento e passou informações aos assaltantes. 
 
"Todos foran autuados pela prática do crime de roubo qualificado, em concurso de pessoas e emprego de arma de fogo", destacou Morroni.
 
Ele acrescentou que o grupo atuou no assalto também a uma pousada 
localizada no bairro do Altiplano, também na Capital. 
 
Assessoria de Imprensa da Polícia Civil da Paraíba
 

Fonte: Redação/Assessoria

Notícias + Lidas