João pode ingressar no PDT e se livrar da carga deteriorada que Ricardo deixou no Governo

Há um clima de expectativa no estado depois que o governador João Azevedo foi retirado do Diretório Estadual do PSB, confirmando o rompimento agora definitivo, segundo o governador já confidenciou aos dirigentes nacionais do PDT, com que vem negociando sua filiação ao partido de Ciro Gomes.

João Azevedo pode escrever uma nova página na política da PB

A retirada de João do diretório estadual do PSB realça a necessidade de um novo partido para acolher as forças que se aliaram ao governador nessa luta contra a politica de dominação pretendida pelo ex-governador Ricardo Coutinho.

Forças representadas por deputados do G11, que até o momento não foram contempladas em seu governo, consequência do congestionamento da máquina entupida pelos seguidores e proclamadores da política de continuidade concebida pela esperteza primária de Ricardo, enfim, poderão fazer parte da administração estadual.

João deve retirar PDT do domínio privado para o domínio público

A migração para o PDT de Ciro Gomes pode e deve representar a carta de alforria de João Azevedo até então garroteado por compromisso que, apenas contemplava grupos de pessoas, umbilicalmente ligadas ao ex-governador e que só a ele prestavam continência e só a ele obedeciam de fato.

O Governo vem até agora tolhido por esse confronto, onde duas cabeças governavam o estado com predominância para a que não estava mais no Poder de Direito.

Uma luta por espaços que não contribuía e não contribui para o avanço de ações, destinadas melhorar as condições de vida do paraibano.

Partido de Ciro será fortalecido na PB com o ingresso de JA

Caso concretizem-se as negociações, e João se transfira de mala e cuia para o PDT, a legenda deixará de ser apenas formalidade política para se tornar a maior força viva do estado saindo do nada para o quase tudo em termos de representação parlamentar.

Na opinião de muita gente, João relutou demais para tomar uma posição que todos sabiam ser ela desde quando Ricardo apresentou as mesmas armas com as quais tomou de assalto o PSB.

Filiado ao PDT, nada nem ninguém pode impedir que João monte sua equipe de acordo com seus interesses e suas necessidades, livrando-se, de bandeja, da carga deteriorada que o PSB depositou em suas costas e que vem sendo aliviada graças à intervenção da Operação Calvário.

Agora, é assinar a ficha, empunhar a caneta, acionar o Diário, e puxar a descarga.

Leave a comment