Coronel Francisco parabeniza os oficiais promovidos, mas faz ressalva aos critérios por merecimentos

O governador João Azevedo acaba de promover oficiais militares, um ato administrativo imposto pela legislação da caserna, mas que foi transformado em ações de governo pelo coronel Euller, um mestre em tirar proveito politico e que fez da solenidade um gesto de generosidade do governador à tropa.

As promoções são rotinas anuais, com datas marcadas para acontecer e contemplar quem tem direito adquirido, com as devidas exceções, que são as por merecimento, onde o dedo da política costuma agir sem pudor, ficando as por merecimento ao critério do comandante geral de plantão, que pode aproveitar e aproveita para favorecer os seus, ou aqueles indicados por figuras influentes da política vigente.

Coronel parabeniza os promovidos, mas faz ressalvas

As promoções são louváveis e oxigena a tropa tanto que o presidente do Clube dos Oficiais, coronel Francisco de Assis, aproveita para parabenizar os promovidos e reconhecer a importância delas, mas ressaltando que o critério de merecimento merece observação por ensejar favorecimentos e benefícios, que terminam prejudicando a corporação.

Para o coronel a promoção por merecimento não pode ter por base simpatia e empatia, mas o devido serviço prestado a corporação sem conotações políticas, como vem acontecendo onde oficiais contemplados com a graduação terminam por atropelar a fila e congestionar a caserna.

Presidente do Clube dos Oficiais pretende alertar o governador para promoções indevidas

Um exemplo dessa situação em andamento dentro da Polícia Militar bastante emblemático seria a promoção do tenente-coronel Anderson, chefe da Casa Militar, que, com apenas 19 anos na corporação, deixou para trás oficiais que foram seus instrutores na Academia, já capitãs à época em que ele era aspirante.

Outro caso emblemático, que causa estranheza entre os oficiais preteridos, seria o do tenente-coronel Araújo, instrutor da turma de aspirantes 2002, da qual fez parte o beneficiado Anderson e só agora promovido a coronel.

Tão ou mais grave a situação do tenente-coronel Onivan Elias, também instrutor do cadete Anderson, mas que ainda continua no posto vendo o aluno ser promovido na sua frente.

Na velocidade da luz: Anderson (E) com 19 anos de serviço deixa para trás instrutores do curso de aspirantes

Uma ascensão rápida e questionada dentro dos quartéis, porque os prejudicados têm conhecimento que o governador não sabe dessas piruetas administrativas que o comandante faz para beneficiar os seus acólitos.

O presidente do Clube pretende informar o governador dessas manobras, que em nada favorecem a instituição nem o Estado, já que um oficial só pode passar oito anos no último posto indo para casa após esse tempo, o que vai acontecer com o hoje coronel Anderson atualmente com apenas 19 anos de serviço a corporação.

O coronel Francisco parabeniza os promovidos, mas vai mostrar ao governador essas situações aberrantes, que em nada contribuem para engradecer e fortalecer a corporação, servindo apenas para atender interesses particulares e pontuais em prejuízo de muita gente que dedicou e dedica à vida a instituição. “Tenho absoluta certeza que o governador desconhece essas artimanhas”, enfatiza o coronel.

Araújo ainda como capitão foi instrutor do coronel Anderson e só agora promovido junto com o aluno

Anderson com apenas 27 anos de atividade será contemplado com a reserva, ele desde tenente na Casa Militar onde conquistou simpatia e apreço ao ponto de ser catapultado aos píncaros da corporação na velocidade da luz requisitado em reduto onde seu ex-chefe foi apontado como um dos integrantes da organização que vem sendo desarticulada pelo Gaeco.

Desde tenente na Casa Civil e sob as ordens do coronel Chaves “o falecido”, delatado por Leandro Azevedo como o homem que fazia a escolta do dinheiro arrecado em propina por Ivan Burity, o hoje coronel Anderson e chefe da Casa Militar, substituindo o falecido, deve ter uma imunidade muito grande a tudo o que vem sendo investigado e revelado pela Operação Calvário.

Sua promoção confirma isso.

Leave a comment